AJUDE O INSTITUTO GEM A EDUCAR AS CRIANÇAS NA PRESEVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE, P/ AJUDAR (93)8122-0233

AJUDE O INSTITUTO GEM A EDUCAR AS CRIANÇAS NA PRESEVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE, P/ AJUDAR (93)8122-0233

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

PROGRESSO NOTICIA, A NOTICIA EM PRIMEIRA MÃO.: EX-PREFEITO NERI PRAZERES ASSUME DIRETORIA EXECUTI...

PROGRESSO NOTICIA, A NOTICIA EM PRIMEIRA MÃO.: EX-PREFEITO NERI PRAZERES ASSUME DIRETORIA EXECUTI...: A convite dos prefeitos filiados e do novo presidente do Consórcio Tapajós, Vílson Gonçalves, o Ex-Prefeito de Novo Progresso, Neri Dos P...

PROGRESSO NOTICIA, A NOTICIA EM PRIMEIRA MÃO.: EX MORADOR DE NOVO PROGRESSO, JAIR ALVES É EMPOSSA...

PROGRESSO NOTICIA, A NOTICIA EM PRIMEIRA MÃO.: EX MORADOR DE NOVO PROGRESSO, JAIR ALVES É EMPOSSA...: Com expressivos 587 votos, o ex morador de Novo Progresso, Jair Alves de Oliveira, elegeu-se e foi empossado vereador em Monte Alegre, on...

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

TEMER FALA PELA 1ª VEZ DO MASSACRE DE MANAUS: ‘ACIDENTE PAVOROSO’

Presidente minimizou responsabilidade de agentes públicos: ‘presídio era privatizado’.

O presidente Michel Temer quebrou o silêncio nesta quinta-feira e prestou pela primeira vez solidariedade às famílias dos 56 presos mortos no massacre que aconteceu há cinco dias no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, em Manaus. Ele chamou o caso de “acidente pavoroso”. Ao abrir a reunião com o núcleo institucional de segurança do governo, Temer determinou que presos de alta periculosidade fiquem instalados em alas separadas dos detentos de menor potencial violento.

Ele invocou a Constituição para dizer que a situação atual, na qual presos de diferentes calibres e detentos provisórios se misturam a presos definitivos, é uma “inconstitucionalidade”. O presidente ainda minimizou a responsabilidade dos agentes públicos no massacre, dizendo que o presídio era privatizado.

— Quero mais uma vez solidarizar-me com as famílias que tiveram seus presos vitimados nesse acidente pavoroso — disse Temer.

O presidente disse que está sendo detalhado um novo Plano Nacional de Segurança. E informou que serão criados cinco novos presídios federais para abrigar detentos perigosos. Em cada unidade haverá entre 200 e 250 novas vagas. Os gastos serão de cerca de R$ 200 milhões ou até R$ 45 milhões por unidade.

Também serão gastos R$ 150 milhões para instalar bloqueadores de celular para cobrir pelo menos 30% das unidades em cada estado.Temer repetiu que cabe aos estados gerir a segurança pública, mas que o problema extrapolou os limites dessas unidades da federação, preocupando o governo federal.

– Acho que a União há de ingressar fortemente nesta matéria, que hoje a questão de segurança, embora cabível aos estados, gera preocupação da União. Teremos recursos hipotecados para o problema, sem invadir as atribuições dos estados.

Sobre a responsabilidade do massacre no dia primeiro de janeiro, Temer suavizou:

— Lá em Manaus o presídio era privatizado e, portanto, não houve uma responsabilidade muito objetiva, muito clara, dos agentes estatais. É claro que os agentes estatais haveriam de ter informações, haveriam de ter acompanhamento — disse.

O presidente afirmou que dos R$ 1,2 bilhão liberados para os estados no fim do mês passado do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen), cerca de R$ 800 milhões serão usados para a construção de pelo menos um presídio em cada estado e que nessas novas unidades já haverá divisão entre presos perigosos e presos de menor poder ofensivo.

A reunião continua em andamento. Participam do encontro os ministros Alexandre de Moraes (Justiça), Raul Jungamann (Defesa), Henrique Meirelles (Fazenda), Sérgio Etchegoyen (Gabinete de Segurança Institucional), José Serra (Relações Exteriores), Eliseu Padilha (Casa Civil) e os interinos da Advocacia Geral da União e do Planejamento.



Fonte: O Globo

GILSON BRANDÃO VAI ABRIR A CAIXA PRETA DA PREFEITURA DE URUARÁ.

Aconteceu na manhã de domingo, dia 1º de janeiro, a Sessão Solene da 8ª Legislatura do Município de Uruará, com a posse dos vereadores, Prefeito e vice-Prefeito eleitos, onde a cerimônia teve início às 10 horas, no Ginásio Poliesportivo Eduardo Nicolini.

De acordo com o Regimento Interno da Câmara de Vereadores de Uruará, a sessão iniciou sob a presidência da vereadora Cita da Saúde. Logo após, foi eleita a Mesa Diretora da Câmara Municipal para o Biênio 2017/2018, onde apenas uma chapa registrou candidatura, formada por: Jachison Oliveira Lima (presidente); Francelino Batista de Lima (vice-presidente); Zenilson da Silva (1º secretário) e Cita da Saúde (2ª Secretária).

Em seguida, a nova Mesa Diretora deu a posse ao prefeito Gilson Brandão (PMDB) e vice-prefeito Sidinei Bueno (PT do B).

Em seu pronunciamento, o prefeito Gilson Brandão anunciou algumas medidas que serão tomadas em seu governo, entre elas está a redução do salário do Prefeito, vice-Prefeito e secretários. Gilsinho Brandão deixou bem claro sua preocupação com a situação de crise que atravessa o município de Uruará. O Prefeito informou, também, que no primeiro mês de trabalho será feita uma auditoria interna na Prefeitura e que algumas secretarias ainda não tiveram seus titulares anunciados, porque passarão por essas auditorias.

Todos são sabedores que o governo do prefeito Everton Banha, que terminou, foi alvo de várias ações da Justiça e da Câmara Municipal, tendo Banha sido afastado do cargo por várias vezes acusado de improbidade administrativa, entre as quais salários de funcionários atrasados, desvios de recursos e outros crimes, que estão sendo investigados pela Justiça e pela nova gestão municipal.

Gilson Brandão anunciou os nomes de alguns secretários que farão parte de seu governo: Secretário de Saúde: Gerezinho Maciel; Educação: Silvana Vieira; Administração e Finanças: Wanderli Zortea; Chefe de Gabinete: Rafael Brandão; Assistência Social: Luciana Brandão; Viação e Obras: Lourival Ribeiro; Tesoureiro: Simon Lino; Procuradora Municipal: Márcia Portela.

O deputado estadual Eraldo Pimenta (PMDB) participou da solenidade de posse dos eleitos. Na oportunidade, o Deputado homenageou os pioneiros de Uruará, citando vários nomes que ajudaram a construir o Município.


Fonte: RG 15/O Impacto

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

PROGRESSO NOTICIA, A NOTICIA EM PRIMEIRA MÃO.: Hospital Municipal de Santarém tem nova diretora

PROGRESSO NOTICIA, A NOTICIA EM PRIMEIRA MÃO.: Hospital Municipal de Santarém tem nova diretora: A médica Ilmara Mota assumiu na tarde desta quarta-feira (04) a direção do Hospital Municipal de Santarém, em substituição a Gleyton Rodr...